quinta, 30 de agosto de 2018 - 17:26h
CEA NO G1 AMAPÁ
CEA ampliou serviços de cobrança e, para facilitar negociação, disponibilizou WhatsApp e a Central 116
Por: Naide Carvalho
Foto: Kelly Bastos

Dos 215 mil clientes que recebem energia elétrica fornecida pela Companhia de Eletricidade do Amapá(CEA), um total de 163 mil tem, pelo menos, uma fatura em atraso. O rombo chega a R$ 214 milhões em dívidas. Para tentar reduzir esses números, a empresa informou ter ampliado o serviço de cobrança e criou novos canais para o cliente negociar o que deve, por telefone.

Consumidores residenciais, pequenos e grandes comércios e prestadores de serviços já podem negociar as faturas vencidas pelo número 116 e também pelo WhatsApp 8802-1014. O atendimento funciona em horário comercial, ou seja, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Além desses canais, a pessoa ainda pode procurar as unidades do Superfácil e a Central da CEA, que fica na Avenida Cora de Carvalho, nº 1813, no bairro Santa Rita, em Macapá. O funcionamento é das 7h30 às 17h.

Pâmela Nascimento, gerente de combate à inadimplência da CEA  (Foto: Rita Torrinha/G1)
Pâmela Nascimento, gerente de combate à inadimplência da CEA  (Foto: Rita Torrinha/G1)

Pâmela Nascimento, gerente de combate à inadimplência da CEA (Foto: Rita Torrinha/G1)

“A gente está ampliando o leque de oportunidades para que o cliente se anteceda a uma medida mais drástica como corte, protesto do CPF, negativação e até casos de judicialização. Temos dívidas históricas, com clientes com mais de 10 anos de débito aberto no sistema”, informou a gerente de combate à inadimplência da CEA, Pâmela Nascimento.

Segundo a gerente, a maior parcela de devedores é da classe residencial, que são, em média, 140 mil. Na negociação por telefone, o consumidor poderá garantir entrada de 20% a 30% e parcelar em até 60 meses. Para cliente de baixa renda, que somam 24 mil, as vantagens são maiores. Veja abaixo as condições de negociação.

Consumidor baixa renda (renda mensal de até meio salário mínimo)

Para 1ª negociação: entrada de 5%
Para renegociação: entrada de 10%
Parcelamento em até 60 meses

Outras classes de consumo

Para 1ª negociação: entrada de 20%
Para renegociação: entrada de 30%
Parcelamento em até 60 meses

 

Acesse G1 Ampaá - https://g1.globo.com/ap/amapa/noticia/2018/08/30/163-mil-clientes-com-conta-de-luz-atrasada-no-ap-vao-poder-negociar-divida-por-telefone.ghtml

CEA - Companhia de Eletricidade do Amapá
Av Pe Júlio Maria Lombaerd, 1900 Macapá - AP CEP: 68.900-030 - (96) 3212-1300 - cea@cea.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2018 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá